Patagónia com Cruzeiro Australis - 14 Dias

1º dia: Portugal / Buenos Aires
Voo regular para Buenos Aires, via cidade de ligação. Chegada, assistência e transporte privado ao hotel. Alojamento.
 
2º dia: Buenos Aires
Visita panorâmica: Avenidas de Mayo, Corrientes e 9 de Julho com o Obelisco e Plaza de La República; Plaza de Mayo com a Casa Rosada, Catedral e Banco Nación; Plaza San Martin e Plaza Alvear; Bairros de San Telmo, La Boca, Recoleta, Palermo e Puerto Madero. Tarde livre. Alojamento.
 
3º dia: Buenos Aires
Dia livre. Ao final da tarde, transporte à casa “La Ventana” para assistir a um espectáculo de tango que recria os vários estilos e ritmos desta dança. Jantar composto de gastronomia e vinhos argentinos. Alojamento.
 
4º dia: Buenos Aires / Calafate
Voo para Calafate. Alojamento.
 
5º dia: Calafate
Excursão ao Glaciar Perito Moreno. Passagem pelo Lago Argentino e após 40kms através da estepe patagónica chegada ao Parque Nacional dos Glaciares. Caminhada pelos trilhos do parque com distintas vistas do glaciar. Inclusão do safari náutico que permite observar as massas de gelo flutuantes que se desprendem do glaciar. Alojamento.
 
6º dia: Calafate / Ushuaia
Voo para Ushuaia. Alojamento.
 
7º dia: Ushuaia – Embarque no Cruzeiro Australis
Excursão ao Parque Nacional Terra do Fogo, visitando as Bahía Ensenada e Lapataia, e o Lago Roca; caminhada na margem do lago e viagem no comboio do “Fim do Mundo”. Transporte ao porto e check-in no navio Australis. Embarque às 18h00. Início da navegação com destino ao Fim do Mundo, através do Canal Beagle, Estreito de Magalhães, Patagónia e Terra do Fogo. É o começo de uma grande aventura!
Jantar e noite a bordo.
 
8º dia: Cabo de Hornos / Bahia Wulaia – Cruzeiro Australis
Pensão completa a bordo. Navegação pelo Canal Murray e Bahia Nassau até ao Parque Nacional Cabo de Hornos, o “Fim do Mundo”. À tarde desembarque na Bahia Wulaia, que Charles Darwin também pisou durante a sua viagem no HMS Beagle. Caminhada até um miradouro que oferece um espectáculo de
grande beleza.
 
9º dia: Glaciar Pia / Glaciar Garibaldi – Cruzeiro Australis
Pensão completa a bordo. Navegação pelo braço noroeste do Canal Beagle até ao fiorde Pia. Excursão até ao miradouro desde onde se observa a cordilheira montanhosa onde tem origem este impressionante glaciar, e todo o seu deslocamento até cair no mar. À tarde navegação pelo fiorde Garibaldi, na costa sul da
Terra do Fogo. Caminhada através da selva fria da Patagónia e ascensão pelo interior do bosque até à base de uma cascata de origem glaciar, de onde pode apreciar uma imponente paisagem.
 
10º dia: Seno Agostini / Glaciar Águila / Glaciar Condor – Cruzeiro Australis
Pensão completa a bordo. Navegação pelo Canal Cockburn para entrar no Seno Agostini, no coração da Cordilheira Darwin. Neste lugar será possível apreciar os glaciares que descem da montanha. Desembarque em botes “zodiac” para caminhada ao redor de uma lagoa formada pelo degelo do Glaciar Águila. À tarde nova navegação em “zodiac” para aproximação ao Glaciar Condor.
 
11º dia: Ilha Magdalena / Punta Arenas – Desembarque Cruzeiro / Santiago
À primeira hora da manhã, se as condições do tempo permitirem, desembarque na Ilha Magdalena, no Estreito de Magalhães. Esta ilha é o habitat de uma imensa colónia de Pinguins de Magalhães que pode avistar durante a caminhada até ao farol. Em Setembro e Abril esta excursão é trocada por uma visita à Ilha Marta para observar lobos-marinhos a bordo dos “zodíac”. Chegada a Punta Arenas pelas 11h30, onde finaliza a aventura austral. Voo para Santiago. Alojamento.
 
12º dia: Santiago
Visita da cidade: centro histórico com a Catedral Metropolitana e o Palácio de La Moneda; Cerro Santa Lucia no Parque Metropolitano, com uma vista panorâmica e os exclusivos bairros residenciais de Vitacura e Las Condes. Tarde livre. Alojamento.

13º dia: Santiago / Portugal
Transporte privado para o aeroporto e embarque com destino a Portugal. Noite e refeições a bordo.

14º dia: Portugal
Chegada. Fim dos nossos serviços.

 

Nota Australis: As excursões descritas nos itinerários são normalmente possíveis de ser realizadas. Não obstante, a empresa marítima reserva o direito de alterar, mudar ou omitir parte do itinerário sem aviso prévio, seja motivada pelo bem-estar e segurança dos passageiros, para a preservação adequada do meio ambiente ou em caso de circunstâncias extraordinárias, casos fortuitos ou de força maior que o exija. Pelos mesmos
motivos, a saída ou chegada das embarcações poderão estar sujeitas a eventuais mudanças. Da mesma forma, não há qualquer garantia de visualizar aves e animais já que a localização destes é variável.